Now Reading
Revolução Suit: A Luta Por Igualdade e a Conquista De Um Espaço Na Moda!

Faça uma doação e ajude a MESCLA a crescer!

Revolução Suit: A Luta Por Igualdade e a Conquista De Um Espaço Na Moda!

No início do século XX, o uso de terno em uma mulher era motivo de espanto e o uso de calças era considerado crime – literalmente.
Com o passar do tempo, essa lei foi sendo modificada e, em 1924, Coco Chanel criou o “English Look”, um modelito que consistia em um conjunto de terno e saia de tweed. O primeiro grande passo para a quebra desse tabu.
Fun Fact: O “English Look” foi inspirado nas vestimentas do Duque de Westminister.
Como a Coco Chanel era maravilhosa, né?! Desde sempre altamente desconstruída e com pensamentos á diante do tempo!

Além de Coco Chanel, a grande estrela de Hollywood Marlene Dietrich foi outra grande alavancadora do uso de ternos em mulheres. Em seu filme “Morocco”, a atriz usou um smoking pra lá de babadeiro que gerou muita polêmica na época!
Já em 1966, o designer Yves Saint Laurent introduziu o “Le Smoking Suit”, que foi o primeiro smoking oficialmente criado para mulheres. A criação foi inspirado nos modelos masculinos do século XIX e é considerado uma peça icônica no mundo da moda.

Durante os anos 80, os terninhos se tornaram um grande sinônimo de status social, sendo a escolha feminina para muitos eventos profissionais e até mesmo de gala. Foi uma época extremamente importante para o movimento feminista pois, finalmente, as mulheres estavam conseguindo espaço no âmbito profissional, ocupando cargos que antes eram ocupados apenas por homens. Ou seja, o look era quase uma atitude!

Atualmente, o look faz parte do cotidiano das mulheres e traz consigo uma grande mensagem de luta e igualdade. Com uma infinidade de modelos e um arco-irís de cores, os terninhos femininos são diariamente reinventados pelos diversos designers que compõem o universo fashion mundial – Ainda bem, pois um look tão simbólico e cheio de história precisa ser celebrado todos os dias.

Pois bem, e como a grande mensagem da MESCLA é a luta pela igualdade e a quebra de tabus no mundo da moda, decidimos criar um mini editorial muito especial baseado nessa luta e nessa conquista fashion inesquecível.
Com vocês, Gender Bender.

Creditos
Modelo: Tatiana Tolentino
Styling: Ana Paula Almeida
Maquiagem e Fotografia: Jean Carlo Basegio

What's Your Reaction?
Excited
0
Happy
0
In Love
0
Not Sure
0
Silly
0

© 2021 MESCLA Magazine . All Rights Reserved.

Scroll To Top
EnglishPortuguese